está aqui: home > artigos > como manusear o hamster: dicas...

Envie a um amigo
Recomende o vivapets
de:


para:


mensagem:

[ enviar ]

 

Como Manusear o Hamster: Dicas e Cuidados

ARCADENOE.SAPO.PT

É um especialista sobre este tema? 
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
Enviar este artigo a um amigo!
Preencha o formulário abaixo

o seu nome:
o seu email:
nome do seu amigo:
email do seu amigo:
comentários:
 
Quarta, 12 de Maio 2010

Como Manusear o Hamster: Dicas e Cuidados
Os hamsters são animais fáceis de domesticar num curto período de tempo. São animais assustadiços no início e frágeis, por isso é importante saber conquistar a sua confiança e também saber como manuseá-los.

Porquê manusear?


Os hamsters podem viver confortavelmente sem qualquer tipo de interacção com o dono, funcionando assim mais como animal de contemplação do que de companhia. Contudo, os hamsters são capazes de estabelecer laços de afectividade com o dono, desde que este o consiga conquistar.

Outros aspectos importantes são a inspecção periódica da saúde do animal e a limpeza da gaiola. Estas duas situações exigem que o dono pegue no hamster e é preferível que o animal esteja habituado ao dono, do que reaja agressivamente.

Por último, os hamster de exposição são avaliados por juízes que têm de lhes pegar. Os hamsters que não tolerem o manuseio perdem pontos na avaliação.

Desde pequeno...


Ao comprar um hamster tente encontrar animais até às 10 semanas para que se habituem mais facilmente a si. Os hamsters mais velhos também podem ser óptimos animais de companhia se estiverem habituados a conviver com o antigo dono. Com alguma paciência e dedicação é possível até manusear animais adultos que tiveram reduzido contacto com humanos.

Festas e Comida


Os hamsters podem-se sentir assustados com as mãos do dono e tentar morder. Por isso é preciso fazê-lo ver que a mão do dono é algo de agradável. Ofereça ao hamster comida da sua mão. Depois deixe-o investigar a mão junto às grades. Quando o hamster não tiver tendência de morder, coloque a mão dentro da gaiola e deixe-o trepar, cheirar, etc.

As carícias são uma óptima forma de iniciar contacto com o hamster. Comece por fazer movimentos circulares no corpo do hamster para que ele se habitue às suas mãos.

Depois, com o tempo comece a pegar durante períodos curtos para que o hamster não fique agitado ou assustado.

Pegar no Hamster


Existem várias formas possíveis de pegar no hamster sem causar desconforto ao animal:

  • Nas exposições, os juízes pegam nos hamsters colocando os dedos de uma das mãos à volta da barriga e a palma da outra mão por baixo, oferecendo apoio às patas. Primeiro deve começar por pegar no hamster pela barriga e colocar logo de seguida a mão por baixo. Estes movimentos devem sem meigos, sem apertar o animal, mas rápidos para que o hamster não tenha hipótese de fugir.

  • Quando o hamster está habituado a ser manuseado, pode optar por envolvê-lo nas suas mãos. Para pegar o hamster desta forma, faça-o como se estivesse a beber água com as mãos.

  • Com hamsters mais ariscos, pode optar por pegá-lo pelo “cachaço”. Segure-o pela pele entre as espáduas e coloque-o sobre a palma da mão.

Segurança


O hamster que se está a habituar à mão do dono pode tentar escapar. Para manter a segurança do hamster, o melhor é pegar nele e deixá-lo passear no colo, sempre amparado pelas mãos. Desta forma o hamster não sente os movimentos tão restringidos e o perigo de cair ao chão é menor. Enquanto o hamster estiver no seu colo, pegue nele várias vezes, durante poucos segundos.

Os hamsters são animais pequenos e frágeis. Por serem de fácil trato são muitas vezes o primeiro animal de estimação das crianças. Mas não tendo noção da força, as crianças podem-se tornar demasiado insistentes e magoar o animal. Supervisione os mais novos sempre que estes peguem no hamster.

Quando manusear


Conforme a disposição do hamster, pode haver alturas em que este não deseja ser manuseado. Isto acontece sobretudo quando os donos são crianças e têm a tendência de “sufocar” o hamster com mimos. Quando este roedor não quer ser manuseado, senta-se e range os dentes. Não pegue no hamster enquanto ele se encontrar nesta posição. Espere alguns momentos, já que este estado de espírito costuma passar rápido.

Outra situação em que não deve pegar no hamster é quando este se encontra a dormir. Os hamster são geralmente roedores activos e curiosos que acordam muitas vezes quando o dono se aproxima da gaiola. Mas tal como todos os animais, eles também necessitam de descansar e se forem acordados viram muitas vezes verdadeiras feras. Se quiser pegar no hamster e este estiver a dormir, dê uma pancada leve na gaiola e espere que este acorde para vir investigar.

Não manuseie o hamster enquanto ele come. Os hamsters vêem bastante mal e a maior parte das mordidas a humanos acontece porque o hamster não consegue distinguir o dedo da comida. Pela mesma razão, não pegue no hamster depois de ter estado a mexer em comida.
adicionar um artigo
Bookmark no site::
Del.icio.usDiggNewsVineDe.lirio.usBlinkbitsBlinklistBlogmarksCo.mmentsFarkFurlMa.gnoliaNetvouzRedditScuttleShadowsSimpyTailRankYahooMyWeb
Comentários (0)adicionar comentário
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
Ainda não há comentários!
rede vivapets:  Português Português English English Español Español Deutsch Deutsch